Criando uma Bonequinha de Pano - Molde e Algumas Considerações Importantes

Trabalhar com bonecas de pano é a minha paixão! Pegar um pedaço de pano e alguns fios de linha e transformar isso numa bonequinha, pra mim é mágica, e eu amo!

boneca-de-pano

Desde muito pequena sempre tive atração pelas artes manuais, mas nunca foi plano trabalhar com isso. Aconteceu de forma bem natural e sem qualquer programação.

E foi na preparação da chegada da minha primeira filha (saiba mais aqui), que o amor pelo artesanato ficou cada vez mais forte e chegou de vez na minha vida.

Contudo, hoje falaremos mais sobre a Minha Coleção de Bonequinhas de Pano Mimin Dolls, dando sequência à nossa serie. Você vai ver neste post:

- Quem é a Rebeca?
- Sete passos importantes para você criar a sua Boneca de Pano.
- Primeiro Passo - A escolha do molde
- Segundo passo - Seleção dos tecidos
- Terceiro Passo - Escolha de materiais e ferramentas
- Quarto passo - Técnicas importantes: Pintura do rostinho
- Quinto passo - Proposta de montagem

Então, recapitulando...

No último post, vimos sobre como nasce uma boneca de pano, sobre como me apaixonei por essas bonequinhas e ainda disponibilizei o molde garimpado do Pinterest. Mostrei também a foto da minha primeira bonequinha, a Olívia. Leia o post aqui!

Hoje vamos falar sobre a segunda bonequinha de pano que compõe a minha coleção. Ela se chama Renata e ela existe por causa da minha filha caçula, a Rebeca.


Quem é a Rebeca?

A Rebeca chegou na minha vida quando eu já tinha 37 anos. Ela veio numa gestação gemelar, a caçula do casal. O irmão se chama Daniel, vamos falar sobre ele ainda.
boneca-de-pano-da-rebeca

Dos três filhos, acho que ela é a que mais se parece comigo, e isso as vezes torna a nossa relação até um pouco conflituosa, por que, temos os mesmos defeitos

Ela é linda, decidida e muito carinhosa. Várias vezes no dia chega perto e fala, "mamãe, você é linda e eu te amo muito!". Não tem nada mais gostoso para ouvir de um filho, não é?

Ela é a mais moreninha de nós e um dia desses me falou bem assim:

- "Mamãe, faz uma boneca marrom, igual eu"?

Achei lindo a forma como ela se expressou, e é claro, fui logo fazer.


Assim, nasceu a Renata: morena, linda e encantadora..., como a Rebeca!

boneca-de-pano-mimindoll
boneca-de-pano-mimindoll
boneca-de-pano-mimindoll




Sete passos importantes para você criar a sua Boneca de Pano


Criar uma boneca de pano não é nenhum "bicho de sete cabeças", nenhuma missão muito difícil, mas, há algumas questões importantes que devem ser observadas para que você tenha sucesso no seu projeto.

Neste post vou citar cinco desses passos, e sobre os outros dois falarei com mais detalhes nos próximos posts desta série.


Primeiro Passo - A escolha do molde

Ter o molde adequado é uma das coisas mais importantes para conseguir um bom resultado no seu projeto final, e é a primeira decisão que você precisa tomar. Por isso, sempre posto aqui o molde que utilizo nos meus projetos, pois sei que facilita muito o seu trabalho, caso você queira se inspirar no meu.

É possível fazer uma boneca de pano sem o molde, eu já fiz. Mas, confesso que é bem mais difícil, pois a boneca tem proporções que precisam ser observadas para que o resultado final seja bastante harmonioso. 

Portanto, aqui vai o molde que utilizei para criar a bonequinha Renata, também garimpado do Pinterest. Já deixo registrado gratidão aos criadores, por me proporcionarem a alegria de criar essa bonequinha e deixar a minha princesa tão feliz.


O molde é muito parecido com aquele utilizado pra fazer a Olívia. As diferenças são, basicamente, no formato do rosto (queixo), parte superior do tronco, e pés, que são mais modelados.


Segundo passo - Seleção dos tecidos

Para cada tipo de boneca, há tecidos mais adequados, e o algodão é o mais utilizado pelas Bonequeiras.

Existe uma vasta variedade de tecidos de algodão: algodão seco, algodão lavado, algodão com ou sem elastano, etc. Por isso, vale a pena fazer testes para saber qual tecido vai se moldar melhor a sua boneca.


Neste projeto utilizei malha de algodão e risquei todas as peças no tecido dobrado. A justificativa é que a malha é um tecido que se estica muito. Se eu fizesse a boneca com o tecido simples, sem dobrá-lo, provavelmente a boneca ficaria deformada, uma vez que, ao encher a boneca o tecido se esticaria demais e daria uma forma diferente à do molde original.

Outra questão, é que a malha facilmente se rasga. Então, como eu utilizo máquina de costura para fechar as peças, os furos que a agulha deixa no tecido ajudariam no rompimento das tramas, deixando a peça muito frágil.

E o motivo de eu ter escolhido a malha é que ela dá um toque suave e delicado à peça, e era exatamente isso que eu queria. O tecido de algodão deixa a peça mais rígida, a malha a deixa mais suave, ou, mais fofinha.


Terceiro Passo - Escolha de materiais e ferramentas 

Fonte: https://www.palaciodaarte.com.br/fibra_siliconada_virgem_de_poliester_santa_fe_500gr/p
Assim como existem tecidos mais adequados para cada tipo de boneca, existem também tipos de enchimentos diferentes. Eu já utilizei dois: enchimento siliconado e enchimento sintético.

O enchimento siliconado é utilizado nas peças que requerem suavidade, como ursos de pelúcia, naninhas, ou mesmo as bonecas se a proposta for uma boneca bem fofinha.

O enchimento sintético é bastante utilizado nas bonecas que precisam de estrutura, como pés firmes, pescoço firme. Ele facilita a montagem das peças que servem de base para outras, como as pernas e o pescoço. É muito utilizado principalmente por ter um custo menor.

Aqui, eu poderia ter utilizado ambos. O sintético me facilitaria principalmente a montagem do pescoço, reforçando a base para a cabeça. Mas, acabei utilizando o siliconado, pois era o que eu tinha disponível. A diferença é que me deu um pouco mais de trabalho para preparar a base do pescoço e deixar o corpo bem durinho. 

Outra dica interessante é que você tenha alguma ferramenta para colocar o enchimento dentro da boneca. Normalmente as bonequeiras utilizam uma peça própria para encher, mas que pode ser substituída também por um pincel de cerdas duras. Eu utilizo o pincel, facilita bastante o trabalho.

A última ferramenta que acho importante citar é o vira-boneca. Ele facilita muito desvirar a peça após a costura. Essa, infelizmente eu não tenho, mas pretendo adquirir logo pois otimiza o trabalho, especialmente nas peças pequenas.


Quarto passo - Técnicas importantes: Pintura do rostinho

Sempre amei fazer bonecas de pano, mas a minha maior dificuldade era pintar o rostinho, os olhos especialmente. E essa é uma etapa crucial, que vai fazer com que sua boneca encante ou não os seus clientes.

Já fiz olhinhos bordados com linha, pintados somente em branco e preto, de feltro e até com materiais reciclados de cartelas de remédio. Mas, só me encantei quando conheci a "fada dos rostinhos pintados" a Flávia Queiroz.

Já citei no post anterior, que a Flávia tem um trabalho maravilhoso e disponibiliza no seu canal do YouTube vários tutoriais com dicas maravilhosas para bonequeiras. 

Confira no vídeo uma demonstração do trabalho dela, ensinando pintar rostinho de boneca com uma técnica muito simples, e que vai deixar suas bonecas muito mais lindas.



Quinto passo - Proposta de montagem

Quase já no final do projeto, temos a montagem do corpinho. Cada bonequinha vai exigir uma forma de montagem, dependendo da proposta da peça. Mas basicamente, nessa etapa você vai ligar todas as peças que riscou com o molde, costurou à mão ou à máquina, desvirou e encheu.

Eu queria que a Renata tivesse um pouco de mobilidade, que ficasse naturalmente flexível para proporcionar uma experiência criativa à brincadeira da minha Rebeca. Por isso, na montagem, alguns detalhes fizeram muita diferença para o que eu queria desse projeto:

  1. Perceba que fiz marcações nos joelhos e cotovelos, para que ficassem articulados. São marcações simples, como um pontinho prendendo as duas partes do tecido.
  2. As perninhas foram aplicadas com a costura voltada para a frente. Normalmente aplica-se com a costura para o lado. Mas, como eu queria que ela dobrasse os joelhos, aplicando dessa forma ficou bem mais interessante.
  3. O cabelo foi costurado, fio a fio. Portanto, a Renata pode ser penteada, sem a preocupação do cabelo se soltar.

boneca-de-pano
boneca-de-pano

Detalhes simples podem fazer muita diferença no resultado final do seu projeto. Por isso, a melhor maneira de trazer qualidade às suas criações é treinando. Testar moldes, tecidos, materiais, técnicas... quanto mais você faz, mais lindas ficam as suas peças, acredite!

E assim, eu finalizo o post de hoje.

Agora que você já tem várias informações importantes sobre como criar a sua bonequinha de pano já pode por a mão na massa! Por isso, no próximo post vou falar mais sobre a montagem do corpinho, com um passo a passo bem detalhado, pra você não ter dúvidas na hora de criar a sua bonequinha. Vou falar também sobre o sexto passo, que é a aplicação do cabelo, dando sequência ao assunto de hoje.

Já estamos quase no final da nossa série, não perca os próximos posts.

Então me diga, o que você achou do meu post e da minha Renata? Ficarei muito feliz se puder deixar o seu comentário, é só rolar a página um pouco mais 😊.

↳ Acompanhe os outros posts da série Minha coleção de Bonequinhas de Pano Mimin Dolls, neste link. Toda semana haverá um post novo até eu terminar a minha coleção.

Obrigada por ficar até aqui comigo. Um grande abraço e até o próximo post!

.........

↳ Referências:
* Imagem enchimento:
https://www.palaciodaarte.com.br/fibra_siliconada_virgem_de_poliester_santa_fe_500gr/p

* Fotos:
Rebeca e bonecas: Arquivo pessoal

* Molde: https://br.pinterest.com/pin/48202658495887471/
* Vídeo de pintura: https://www.youtube.com/channel/UCszjlFaWCDrfca_x6Z790rw

.........


Receba nosso conteúdo em primeira mão na sua Caixa de Entrada e fique por dentro das nossas novidades!


Cadastre seu email e receba GRATUITAMENTE o nosso e-Book




0 Comments

Muito obrigada por visitar o meu blog e por se dispor a deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante pra mim!

Saiba tudo sobre o Ateliê na guia Sobre. E se quiser me enviar um email, acesse a página Contato | Clique aqui |.
Será um prazer receber e retornar sua mensagem.

Fique à vontade aqui.... Um grande abraço 😊